Encontro aborda a exploração de dados na era do LSST

26 de julho de 2018 | LIneA

Entre os dias 19 e 21 de Junho, o National Centre for Supercomputing Applications (NCSA) situado em Urbana-Champaign, EUA, promoveu um workshop sobre visualização e exploração de dados na era do LSST (ver Figura 1 com foto dos participantes). O NCSA conta com um laboratório especializado em produção de imagens para visualização de dados científicos (ver exemplo na Figura 2), que dá suporte a vários campos da ciência além da astronomia. Na era dos grandes levantamentos astronômicos, como o SDSS, DES e em breve o LSST, além de outros grandes experimentos, como o Large Hadron Collider (LHC), extrair respostas e fazer descobertas nos conjuntos gigantescos de dados, é um grande desafio.

Dentre os temas abordados pelos palestrantes, destacaram-se técnicas para acesso a dados, criação de gráficos em 2-D e 3-D, gráficos interativos, criação de vídeos baseados em dados reais ou simulações, ferramentas de processamento em paralelo usando cluster de computadores, containerização, processamento e armazenamento em nuvem, deep learning e inteligência artificial. Alguns palestrantes realizaram demostrações ao vivo do uso de plataformas de acesso e exploração de dados, como o COSMOHUBNOAO Data LabGaia Archive o NCSA DESaccess e o LIneA Science Server.

Outro tema interessante foi a chamada ciência cidadã. Algumas apresentações mostraram projetos como o Galaxy ZOO, que já estão gerando resultados a partir da participação de voluntários espalhados por todo o globo terrestre. Eles fornecem informações para “ensinar” as máquinas a tomarem decisões do mesmo modo que um ser humano tomaria, com o objetivo de substituir a classificação visual de imagens por uma ferramenta automatizada.

Além de palestras, o evento também ofereceu oficinas de atividades práticas, onde os cientistas participantes puderam explorar algumas ferramentas de exploração e visualização de dados com a orientação de um tutor. O público participante foi heterogêneo, vindo de diferentes áreas da ciência da computação, ciência de dados e da astrofísica, o que tornou a troca de experiências bastante rica. Foram aproximadamente 50 participantes entre estudantes, pós-doutorandos e pesquisadores envolvidos na preparação para o levantamento LSST. A doutoranda do Observatório Nacional Julia Gschwend, afiliada ao LIneA, participou da reunião com apoio do INCT do e-Universo.

blank
Figura 1 – Foto em grupo dos participantes. Crédito da imagem: LSST.

blank
Figura 2 – Visualização em 3-D de uma simulação de uma galáxia espiral. Crédito da imagem: http://avl.ncsa.illinois.edu/

Deixe um comentário